LÁ VEM ELE!!!!!

Como disse o Sérgio, outro dia, referindo-se ao meu pai: “Lá vem ele, rápido e sorrateiro”. A gente sempre sabe que vai chegar, mas todas as vezes, leva um susto.
Continuando a me reportar ao comentário do Sérgio, papai vinha do quarto para a sala, onde estávamos. Foi antes do quadril novo, então vinha bem devagar, arrastando o andador no chão. Fazia o maior barulhão. Não tinha nada de rápido, nem de sorrateiro.
“Ele” também é assim. Leva 365 dias para chegar, e não vem em silêncio, há barulho por toda parte, anunciando a chegada, muito antes da data propriamente dita.
Houve um tempo em que eu não dava a menor importância para a passagem de ano. Afinal, todos os dias são o início de um novo ano, se pensarmos que aquela data só se repetirá daqui a 365 dias (ou 366, se o ano for bissexto). Mas decidi me unir à euforia geral em torno do dia 1° de janeiro. Não há nada demais em fazer uma boa ceia, participar de um culto, assistir a uma linda queima de fogos ou seja lá qual for o evento que se escolha para festejar.
Bem no fundo, porém, não vejo muito sentido em toda essa euforia em torno de uma simples mudança de data. Se analisarmos qualquer ano específico de nossa vida, haverá sempre dias muito mais significativos do que 31 de dezembro, em que aconteceram fatos muito importantes, tanto para nós quanto para o mundo.
Por isso eu gosto de diários. Nos dá a oportunidade de recordar exatamente o que aconteceu, sem dúvidas. Anoto os fatos importantes, guardo as agendas, gosto de cultivar meus momentos mais significativos, tanto os bons quanto os de tormenta.
Comprei um diariozinho muito lindo. Cada página é dedicada a um dia do ano e dividida em cinco espaços pequenos, cada um para anotarmos alguma coisa acontecida naquela data em um ano diferente. Assim, no ano que vem, vou anotar abaixo da anotação deste ano os novos desdobramentos da minha história pessoal. Comecei em setembro deste ano, e é impressionante ver como já me esqueci de algumas coisas. Imagina como será interessante lembrar, cada vez que escrever em um dia, o que aconteceu exatamente naquele dia nos anos anteriores.
Acho que meu desinteresse pela “virada” se relaciona a essa disposição para celebrar a vida todos os dias. Não vejo sentido em fazer balanços e tomar decisões apenas no primeiro dia do ano. Faço isso sempre.
É, no dia 31 eu provavelmente irei à igreja, participarei de uma ceia, tudo nos conformes. Mas vou logo dizendo que não dou muito mais valor a essa noite do que às outras. Bem provável que não tome nenhuma decisão de ano novo. Quando tenho que decidir, decido em qualquer dia. Os novos projetos não precisam ficar guardados, à espera de um dia qualquer. Podem e – em minha opinião – devem começar na hora em que nos vêm à mente, em que sentimos vontade de dar início a eles.
De toda forma, aprecio profundamente a diversidade das pessoas, e acho enriquecedor participar de coisas em que não vejo muito sentido, quando sei que têm sentido profundo para os outros. Por isso, “entro na dança” e comemoro a chegada dele. E com alegria.
Mas, de minha parte, feliz Ano Novo. Não o que começa no dia primeiro de janeiro, mas o que começa hoje.

Um comentário sobre “LÁ VEM ELE!!!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s