ISSO ME LEMBRA ALGUÉM…

Fala sério, eu fico de cara com a reação de muitos “cristãos” diante da morte de pessoas como Whitney Houston. E, antes de prosseguir, preciso deixar muito claro que sou cristã de carteirinha. Não evangélica, das igrejas da moda (não estou depreciando), mas protestante de denominação histórica, daquele tipo que é considerada retrógrada e de mente fechada (discordo com veemência disso e penso o mesmo dos que pensam isso de nós – eles não nos conhecem nem querem conhecer).
Numa pseudo-tentativa de mostrar aos outros os perigos de drogas, bebida e vida desregrada, esses “cristãos” a que me refiro deixam por completo de lado a segunda principal ordem que Jesus deu a quem quisesse segui-lo: amar os outros como a nós mesmos. Duvido que uma dessas pessoas que expõe fotos da cantora horrorosa, desarrumada e descabelada gostaria que alguém fizesse o mesmo com elas.
Todos erramos. Todos temos vícios e desvios de comportamento. Alguns ficam visíveis, outros permanecem escondidos. E nós, que conseguimos manter nossos pecados debaixo do pano, apontamos o dedo para quem os revela publicamente. Isso me lembra alguém… quem será?
Whitney Houston era linda. Voz maravilhosa, fala suave. Conhecia a Jesus, fato que ela mesma declarou em muitas ocasiões. Mas não conseguia vencer o vício. Com certeza, lutou e sofreu muito por causa disso. E as pessoas usam a morte dela para tripudiar, tendo, como motivação mais íntima, em minha opinião, a vontade de exaltar sua própria retidão. Isso me lembra alguém… quem será?
Vejo, no meio dos que se declaram religiosos, ou “crentes”, uma certa celebração da morte de uma pessoa que eles consideram pecadora, indigna de fazer parte do seleto grupo de “servos de Deus”.  Isso me lembra alguém… quem será?
Ah, lembrei! Aliás, Jesus pegou pesado com essa gente. Chamou de túmulos enfeitados, de fingidos, de cobras, falou que eles não entendiam absolutamente nada do que significa seguir um Deus de amor. Não estou falando dos viciados do tempo de Jesus. A esses ele estendeu a mão, foi visitar, curou, demonstrou amor. Os que ele confrontou foram os religiosos, os que se achavam certinhos e apontavam o dedo acusador para os pecadores. Aliás, pegou tão duro com esse pessoal que acabou pregado na cruz.
A morte da cantora apenas me faz pensar nisso mais uma vez. Contudo, esse tema é recorrente em minhas reflexões, em especial depois do crescimento do Facebook, onde leio cada coisa escrita por “religiosos” que me deixa de queixo caído.
Clarice e Rodrigo estiveram em um show de Whitney Houston, onde ela falou abertamente de suas lutas, e de como Jesus a pegou no colo no momento em que estava afundada na lama. Ela morreu, provavelmente, por overdose. No entanto, o amor de Jesus estava com ela, com certeza. Os mesmos que repetem que NADA nos separa do amor de Cristo comentam o fato tão triste como se o texto não se aplicasse a ela. Ninguém sabe qual era o relacionamento dela com Jesus. Ninguém pode dizer o que aconteceu depois que ela deixou este mundo. Ninguém é capaz de avaliar as lutas e dores que ela enfrentou durante sua vida, nem as pessoas mais chegadas, quanto mais nós, que recebemos notícias apenas através da imprensa, que distorce e inventa fatos. Talvez, a morte dela, tenha sido a forma que Jesus encontrou para dar fim a uma luta em que ela não conseguia vitória: “Chega de sofrer, Whitney! Vem agora cantar aqui comigo!”.
Com toda certeza, havia pessoas com a vida destruída como a da cantora no tempo de Jesus. Mas ele não as usou como exemplo para tentar convencer outros com os mesmos problemas a chegarem perto dele. O que ele fez foi amar quem estava no meio da luta. E, infelizmente, isso me lembra muito pouca gente…

Um comentário sobre “ISSO ME LEMBRA ALGUÉM…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s